13.9 C
São Paulo
sábado, julho 13, 2024

Conheça o aplicativo focado na renegociação de dívidas

Leia mais

A plataforma Consumidor Positivo é fruto de uma parceria entre a Boa Vista e o grupo americano Red Ventures que acaba de entrar em operação com um investimento inicial de R$ 70 milhões. Este novo marketplace de renegociação de dívidas visa competir no mercado de análise de crédito, atualmente dominado por Serasa e SPC.

Anunciada há cerca de 18 meses, o Consumidor Positivo surge em um momento crucial, visto que mais de 66,64 milhões de brasileiros estão endividados, representando 40,6% da população adulta conforme dados da CNDL e do SPC Brasil. 

Com isso, a plataforma oferece um serviço gratuito acessível via aplicativo ou navegador, focando em renegociações e na oferta de serviços financeiros para escalar seu modelo de negócio.

++Empresas deixam de exigir experiência prévia: vantagens e desvantagens

Diferentemente do Serasa, que opera com um modelo freemium e oferece planos a partir de R$ 23,90, o Consumidor Positivo pretende atrair usuários por meio de uma jornada educativa, a plataforma orienta os usuários sobre como melhorar seu score de crédito, renegociar dívidas e encontrar opções de financiadores com taxas de juros mais baixas.

A parceria combina a expertise da Boa Vista, que contribuiu com a divisão de negócios Consumidor Positivo e a fintech Acordo Certo, adquirida em dezembro de 2020, e a tecnologia com investimento financeiro da Red Ventures, que aportou R$ 70 milhões no projeto. 

Para desenvolver a tecnologia e integrar as operações, os parceiros investiram pouco menos da metade dos R$ 70 milhões iniciais, o app utiliza cerca de 40 variáveis que impactam o score dos usuários, incluindo dívidas negativadas, atraso no pagamento de contas, relacionamento com instituições financeiras e cadastro positivo. 

++Elon Musk recebe investimento bilionário em sua Inteligência Artificial

Com essas informações, o Consumidor Positivo fornece dicas para melhorar o índice de crédito dos usuários. Atualmente, a plataforma possui uma base de 40 milhões de CPFs, provenientes da Equifax/Boa Vista, a segunda maior bureau de crédito do Brasil. 

A meta é aumentar esse número em mais 10 milhões nos próximos meses, atingindo cerca de um quarto da população nacional. O restante do valor investido será utilizado ao longo dos próximos 24 meses para acelerar o crescimento da ferramenta no mercado.

O Consumidor Positivo aposta na renegociação de dívidas e na oferta de serviços financeiros gratuitos como estratégia para conquistar e escalar seu modelo de negócio, trazendo uma proposta inovadora e acessível para os consumidores brasileiros enfrentarem suas dívidas e melhorarem sua saúde financeira.

Não deixe de nos seguir no Instagram para mais notícias da Pardal Tech

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img

Últimas notícias