21.8 C
São Paulo
sexta-feira, julho 12, 2024

Aplicativo de IA traz vozes de celebridades falecidas para leitura de livros e artigos

Leia mais

A empresa ElevenLabs lançou um recurso inovador em seu aplicativo Reader, permitindo que vozes de celebridades falecidas, como Judy Garland, James Dean, Burt Reynolds e Sir Laurence Olivier, sejam utilizadas para ler livros e artigos digitais. Os fãs dessas lendas do cinema agora podem ouvir suas vozes em conteúdos modernos.

Atualmente, o Reader: AI Audio da ElevenLabs está disponível apenas para iOS, mas uma versão para Android está em desenvolvimento. Embora ainda não ofereça suporte ao português brasileiro, a ferramenta pode ser utilizada em dezenas de outros idiomas.

++ Bitcoin lidera rendimentos no primeiro semestre de 2024

Vozes recriadas de celebridades

O Reader App permite que os usuários ouçam qualquer texto digital, como artigos, PDFs, newsletters e e-books, com vozes geradas por inteligência artificial. Parcerias com representantes das celebridades possibilitaram a recriação das vozes de Judy Garland, James Dean, Burt Reynolds e Sir Laurence Olivier, que foram adicionadas à biblioteca de vozes do aplicativo. Liza Minnelli, filha de Judy Garland e representante de seu legado, comentou sobre a inclusão da voz de sua mãe no aplicativo:

“É emocionante ver a voz da nossa mãe disponível para milhões de pessoas que a amam. Através da tecnologia oferecida pela ElevenLabs, nossa família acredita que isso trará novos fãs para a ‘Mama’ e será emocionante para aqueles que já valorizam o legado incomparável que ela deu e continua a dar ao mundo,” declarou Minnelli em nota da companhia.

Uso de IA para “reviver” pessoas

A recriação das vozes das celebridades falecidas foi realizada com a devida autorização de seus herdeiros ou representantes legais. A ElevenLabs enfatizou o respeito pelo legado dessas figuras icônicas e a intenção de honrar suas contribuições ao mundo, enquanto possibilita que novas audiências conheçam seu trabalho.

No Brasil, há um projeto de lei em tramitação para regular o uso de IA na “revivificação” de pessoas falecidas. O projeto exige o consentimento prévio e expresso da pessoa em vida, ou de seus familiares próximos, para que imagens e vozes de pessoas falecidas sejam utilizadas com IA. Se o falecido tiver expressado em vida sua vontade de não permitir que sua imagem seja usada com recursos de IA após a sua morte, essa vontade deverá ser respeitada. Além disso, os herdeiros podem impedir que as imagens com IA sejam usadas, mesmo que o consentimento tenha sido dado pela pessoa em vida, como forma de preservar a imagem e a memória do falecido.

A ElevenLabs acredita que, ao utilizar essas vozes de forma respeitosa e com a devida autorização, está contribuindo para preservar e celebrar o patrimônio cultural dessas lendas.

++ Governo avalia nova tributação para fundos imobiliários

Como usar o aplicativo

Para utilizar o Reader App, os usuários podem baixar o aplicativo na App Store e aproveitar três meses gratuitos ou assinar a plataforma da ElevenLabs para ter acesso contínuo. Após instalar, basta selecionar o texto desejado e escolher uma das vozes disponíveis para a narração.

Além das vozes das celebridades, o aplicativo oferece várias outras opções que podem ser ajustadas conforme o estilo, sotaque e tom preferidos. A empresa planeja expandir ainda mais sua biblioteca de narradores em breve, além de ampliar o acesso para outros idiomas e para donos de aparelhos Android.

Não deixe de nos seguir no Instagram para mais notícias da Pardal Tech

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img

Últimas notícias