13.8 C
São Paulo
sábado, julho 13, 2024

Geotab afirma que inovação tecnológica reduz custos com combustível em frotas

Leia mais

A redução de custos é uma meta constante para as empresas de logística e transporte, especialmente em relação às despesas com combustível, que podem representar até 50% dos custos operacionais. Em um país de dimensões continentais e com uma matriz de transportes rodoviária como o Brasil, a economia em combustível é essencial para a competitividade.

Segundo a consultoria Mordor Intelligence, o mercado brasileiro de frete e logística deve alcançar cerca de US$ 105 bilhões em 2024. Nesse cenário, a variação dos preços dos combustíveis e o desperdício são grandes desafios. Veículos mal mantidos, com pneus descalibrados ou motores desregulados, consomem mais combustível, especialmente em estradas mal pavimentadas, o que, de acordo com a Confederação Nacional dos Transportes (CNT), resultou no consumo desnecessário de 1,14 bilhão de litros de diesel em 2023.

Além da manutenção dos veículos, o comportamento dos motoristas também influencia no consumo de combustível. Acelerações bruscas, excesso de velocidade e tempo ocioso com o motor ligado aumentam o consumo de diesel e gasolina. “O comportamento do motorista tem altíssimo impacto no consumo de combustível de um só veículo. Multiplicando esse impacto por uma frota inteira, o nível de economia pode ser bastante significativo”, destaca Eduardo Canicoba, vice-presidente da Geotab no Brasil.

++ Inteligência Artificial revoluciona planejamento de viagens

Fundada no Canadá há duas décadas, a Geotab auxilia empresas de diversos setores a otimizar custos e melhorar a gestão de frotas por meio da inteligência de dados. Com mais de 50 mil clientes em 160 países, a empresa utiliza a telemática para capturar dados em tempo real sobre a condução dos veículos, estado do motor e peças, oferecendo uma visão detalhada das operações e identificando oportunidades de melhoria.

A plataforma da Geotab não só ajuda a monitorar o desempenho dos veículos e o comportamento dos motoristas, mas também contribui para a segurança das frotas, detectando roubos de combustível. “Podemos medir a quantidade de combustível que entrou no tanque e que está sendo usada em tempo real. Se o consumo não for linear, pode ser um sinal de roubo”, explica Canicoba.

++ Nubank adquire Hyperplane para aprimorar serviços financeiros com IA

Além de questões financeiras, a redução do consumo de combustível também está ligada à sustentabilidade. Com o aumento previsto no consumo de diesel e biodiesel para 66,5 bilhões de litros em 2024, devido ao crescimento da produção agrícola e do e-commerce, a busca por soluções sustentáveis é urgente. A Geotab apoia essa transição com seu Painel de Frota Ecológica, que monitoriza a emissão de poluentes e auxilia na migração para veículos elétricos.

“Nossos sistemas ajudam os gestores de frotas a tomar decisões sobre quais veículos devem ser substituídos e como maximizar a autonomia dos caminhões elétricos”, diz Canicoba. “Isso permite que as frotas brasileiras se tornem mais eficientes e sustentáveis.”

Em resumo, a adoção de tecnologias avançadas como as da Geotab oferece uma vantagem estratégica significativa para as empresas de transporte e logística, permitindo reduzir custos com combustível, diminuir o impacto ambiental e fortalecer a responsabilidade corporativa.

Não deixe de nos seguir no Instagram para mais notícias da Pardal Tech

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img

Últimas notícias